Voltando ao Prometheus


 

Sei la, comecei a mexer. Vou mudar muitas coisas. Pra variar (risos). Mas vai ficar com mais conteudo. Conheci e aprendi muitas coisas nos ultimos meses que me colocou frente a frente as grandes paixões (e complicações) humanas. Disse a um amigo que eu precisava lapidar o texto. Preciso sim, mas reformular tudo também. Me desejem sorte.

 

Bjs a todos! :-)



Por Fabrício Viana - autor do livro WWW.OARMARIO.COM às 23h23




EM BANHO MARIA...


Galera, desculpem não postar mais nada aqui. Mas o texto inteiro esta em banho maria. Já mostrei para algumas pessoas e esta bacana, mas precisa ser lapidado, reformulado, melhorado, etc e tal. Então agora vou escrever sem pressa. Alias, esse foi o grande erro meu, me programei tanto em terminar em um mês, em meses, com prazos fixos, que acabei me perdendo em tudo.

 

Então, simplesmente aguardem. E se CADASTREM (coloquem seu email aqui) para quando tiver novidades, serem o primeiros a saber!!! :-)



Por Fabrício Viana - autor do livro WWW.OARMARIO.COM às 11h45




Primeira Pessoa? Isso tá virando palhaçada!


Se eu disser que estou reescrevendo todo o livro vocês acreditam? Na verdade é uma tentativa de "melhorar". Ele estava quase pronto. Faltava pouco. Mas ai eu me lembrei de uma coisa (e que consta no início deste blog). A minha briga entre escrever na primeira e na terceira pessoa. Acho que se o livro for escrito na primeira pessoa ele ficará muito mais atrativo e fácil de ler (e com mais emoção). Para quebrar o medo das pessoas confundirem autor com personagem posso, logo no início, me apresentar. Sou o Junior, negro, isso e aquilo. Assim, o povo que me conhece e que sabe que sou branquelo, já saca que é o personagem que escreve. Enfim, apenas divagações. Nesta semana vou fazer o teste e ver no que vai dar.

 

Um fato é que, o livro não vai mais ficar pronto - realmente - dentro do cronograma. Coisas da vida. E mês que vem volto a procurar emprego. Lembram que sai só pra terminar o Prometheus? Pois é, nem tudo o que desejamos acontece. O importante é não desistir. Concordam?



Por Fabrício Viana - autor do livro WWW.OARMARIO.COM às 01h29




Centro Cultural Vergueiro - SP


 

Tirei esta foto em uma das tardes que passei lá escrevendo e revisando o Prometheus. Adoro!!! Lá é um dos lugares tranquilos e que me mantém afastado de tudo e todos... :-)

 

Aproveitando, lembram (post abaixo) que cada capítulo tinha um subtítulo? Tirei os subtítulos. Acho que dá mais "curiosidade" na leitura. Concordam?



Por Fabrício Viana - autor do livro WWW.OARMARIO.COM às 14h08




Terminar em Fevereiro? 2009?


Estou fazendo de tudo para terminar a escrita neste mês. Não sei se vou conseguir. Mas estou realmente me dedicando ao máximo.

 

Não sei se é bom ou ruim (para o andamento do término do livro) mas estarei do dia 20 ao 25 em Campina Grande/Paraíba, no 18º Encontro da Nova Consciência, palestrando sobre a homossexualidade.

 

 

"Prometho" ficar socado dentro do hotel o dia inteiro apenas trabalhando no Prometheus. Como já disse a alguns amigos, a relação minha com o texto é de amor e ódio. Tem hora que acho tudo muito bacana. Outras horas acho tudo muito chato. Um super amigo disse que o processo é esse mesmo. Ele escreveu uma peça de teatro e que o deixou muito mal (para vocês terem idéia da relação do autor com a criação). Mas que ainda hoje é uma das peças que os amigos mais gostam. Vamos ver... :-)



Por Fabrício Viana - autor do livro WWW.OARMARIO.COM às 13h20




Sobre Relacionamento Aberto...


 

Sim, Prometheus vai abordar muitas coisas... quem puder, entra lá na comunidade e dê sua opinião... prometo entrar e ler tudo depois... :-)



Por Fabrício Viana - autor do livro WWW.OARMARIO.COM às 18h09




Veja que interessante!!!!


 

Odeio cigarro. Nunca fiquei com fumantes. Consequentemente não tem nenhuma citação de nenhum personagem que fuma até agora no Prometheus. E talvez em nenhum outro livro que eu vá escrever. Agora bebidas, "medicamentos", etc, tá cheio... e olha que para isso eu também sou careta... é que cigarro, realmente, o asco/nojo é tão grande que me dá até aflição...  que horror não? E, já perdi as contas de quantos carinhas na minha vida deixei de paquerar só porque vi com um cigarro nas mãos... enfim...



Por Fabrício Viana - autor do livro WWW.OARMARIO.COM às 16h22




146 páginas - 22/01/2009


Print da tela (texto original)... mas não tente ler... e a imagem, obviamente, não amplia... é só para terem idéia do que já foi escrito...  :-)

 

 

Acho que vai chegar a umas 230 ou 260 páginas... parece pouco né? Se eu não voltasse e revisasse tudo a toda hora, já teria terminado faz tempo...  :-)



Por Fabrício Viana - autor do livro WWW.OARMARIO.COM às 23h28




Recado de outros escritores... gostei...


Recebi pelo Orkut... apenas um trecho....

 

===========================================

===========================================

 

Bacana, gostei muito... 

 

Por falar em recado de escritor, este é outro escritor (ultimamente tenho feito muitas amizades "literárias")(risos), mas este fala do Livro O Armário...

 

===========================================

===========================================

 

Pois é, incentivo para terminar o segundo é o que não falta... risos



Por Fabrício Viana - autor do livro WWW.OARMARIO.COM às 07h26




Calma!!! Ta saindo...


Galerinha. Desculpem não publicar nada estes dias. Mas saibam que, quanto menos eu publico aqui, mais eu produzo lá (no término do livro). Já tenho 78% escrito. Estou na reta final. Continuem ai torcendo por mim. Esta semana eu decidi que a capa provisória será totalmente mudada. Ela precisa ficar mais "visutalmente comercial", mesmo sendo vendida apenas pela Internet ela passará de mãos em mãos. Tem que chamar muita a atenção (ao mesmo tempo sendo discreta e não tendo referências gays - muitos dos meus leitores não são assumidos). Aguardem! :-) 



Por Fabrício Viana - autor do livro WWW.OARMARIO.COM às 22h07




Feliz 2009 a todos!!


* Originalmente publicado no Blog do Mix Brasil.

 

 

Este é o último post do ano. Volto a publicar coisas aqui (e nos outros sites - links ao lado) só na metade (ou final) de janeiro de 2009. Isto é, FÉRIAS TOTAL, de tudo e todos! Por isso desejo aos leitores do meu blog, amigos e conhecidos um super Natal e um ano novo MARAVILHOSO!!! Com muita saúde!! Que é sempre o que mais importa.... :-)

 

 

Não vou fazer (e nem gosto muito) retrospectivas... Mas como todo ser humano (leia-se "imperfeito")(risos) estes dias eu estava meio deprê e sem inspiração para terminar o Prometheus. Foi ai que um super amigo me disse nos raros momentos em que abro o MSN:

 

"Fabrício, não desanime, você tem seu público. Você tem seus leitores. Gente que conhece, acompanha e respeita seu trabalho".

 

Imediatamente lembrei de outra coisa. Certa vez um jornalista de um portal GLS me disse o seguinte: precisamos colocar na mídia, nas matérias, publicações, etc, gente nova! Chega de citar "arroz de festas". As mesmas pessoas. Os mesmos caras. Concordei plenamente. Depois de algum tempo ajudando na produção saquei uma coisa. Tem muita gente nova sim. Mas também tem muita gente nova que não tem história. Não tem histórico. Ou ainda, nada para dizer, mostrar, bons pensamentos, etc. Uma pena.

 

E com isso aprendi que antes de "caçar" e mostrar os novos. Tem que preservar, lembrar e citar os antigos. E falo daqueles muito mais velhos do que eu e provavelmente você. E que, graças a estes pensamentos "modernos", estão fora da mídia. Adoraria citar nomes dos esquecidos. Mas vou deixar aqui no ar. Inclusive para amigos jornalistas pensarem no assunto.

 

Ainda continuando nestas reflexões, deprê, falta de inspiração e sobre o histórico, pensei. Mas e eu? Fabrício Viana? O que fiz? Qual é meu histórico? Onde é este histórico? Escrevi O Armário não porque sou apaixonado por literatura ou porque sonhava ser escritor. Muito pelo contrário. Sou péssimo em gramática, ortografia, etc. Mas sou ótimo em pensamento, reflexões e em psicologia (minha formação). E o livro foi escrito mais para sintetizar as grandes dúvidas a respeito da homossexualidade que eu recebia diariamente por email graças aos antigos projetos. Sim, PROJETOS!!! Achei. Esta é minha história!! Minha pequena, simples e humilde história.

 

Imediatamente vasculhei centenas de fotos perdidas e consegui selecionar algumas que compõem a história do meu trabalho e que eu mesmo havia esquecido. Sabe quando você se recorda de trocentos mil e-mails trocados com trocentas mil pessoas (e que muitas delas te cobram recordações)? Horas e horas na frente do PC criando sites, gravando, convertendo vídeos, divulgando, mandando e-mails em listas, criando páginas para ajudar amigos, etc. E em muitos anos? Até do primeiro site pessoal que eu tinha na Internet quando eu era "hétero" (gay não assumido)(risos) me recordei. E lá eu ja era militante (um dos artigos era "Palavrão, Sexo e Preconceito")(risos). Tudo isso veio em minha cabeça enquanto selecionava as fotos e publicava no album do meu Orkut (hoje só para amigos porém o album de fotos é liberado para todos).

 

Infelizmente não tem imagens de tudo o que eu fiz ou participei. Logo o que consegui publicar (poucas fotos, algumas abaixo) representam uma minúscula parte de um todo. Mas que me deixou extremamente feliz e principalmente MOTIVADO para terminar o bendito Prometheus.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Foi extremamente gratificante recordar tudo isso. Esta ultima foto por exemplo era da equipe que fundou o Armário X em 2003. E antes disso eu já tinha um projeto no Mix Brasil (campanhaglbt). Lembro até do dia que o André Fischer me recebeu no antigo escritório para conversar sobre isso. Enfim, todas as fotos selecionadas estão no meu Orkut com descrição. Quem tiver interesse entra lá.

 

Recordar é viver.

 

Então... Mais uma vez, um ótimo Natal, boas festas e um excelente 2009 a todos!!!

 

Fabrício Viana, se despedindo de 2008.



Por Fabrício Viana - autor do livro WWW.OARMARIO.COM às 02h39




Seja avisado por email...


Prometheus Livro

 

Quando tudo estiver pronto... clique na imagem e faça seu cadastro! :-)



Por Fabrício Viana - autor do livro WWW.OARMARIO.COM às 01h01




Trecho caliente entre Ronaldo e Pedro


 

Adorooooooooooooooo.... vocês querem que eu poste mais trechos??? Só para aguçar a curiosidade??? Já que não tenho ninguém (no dia-dia, do lado, isto é, fácil, para acompanhar tudo) vou dividindo mesmo com vocês... rs



Por Fabrício Viana - autor do livro WWW.OARMARIO.COM às 02h02




To adorando...


Por enquanto, os subtítulos de cada capítulo são:

 

CAPÍTULO 1 - A GOTA QUE FALTAVA
CAPÍTULO 2 - A RECORDAÇÃO
CAPÍTULO 3 - O PUTEIRO
CAPÍTULO 4 - O DIA SEGUINTE
CAPÍTULO 5 - O PERDÃO DE DEUS
CAPÍTULO 6 - A CURA DIVINA
CAPÍTULO 7 - A GRANDE FARSA
CAPÍTULO 8 - CHEGANDO EM SÃO PAULO

Para contar um pouco do livro (risos), o capítulo 1 é o momento atual e a partir do capítulo 2 começa uma recordação do Junior (Prometheus) sobre sua infância, descoberta do sexo, sobre seus pais, sexo entre homens e ai a muvuca/turbulência se inicia. Em seguida ele é enviado e internado em uma clinica de recuperação religiosa que "cura homossexuais". Com o tempo (e algumas coisas obscuras) ele "foge" e vai parar em São Paulo onde conhece o...

 

Chega né? To contando já é muito. Mas, entre nós, isso é 1/3 do livro inteiro. Pois agora outras coisas se iniciam e ai vem os vínculos com o passado (por isso tive que detalher um pouco em tantos capítulos). 

 

Mas, se tudo der certo, devo terminar de escrever agora em Dezembro/Janeiro. Um amigo irá corrigir em Fevereiro, Março devo cotar as gráficas e mandar imprimir. Abril ou Maio, quase Junho, devo fazer o lançamento. Se tudo der certo, talvez bem antes. Ou, se tudo der errado, talvez bem depois (risos). Mas que vai sair, sim, vai sair sim!!!! Pior é que as vezes gosto muito de tudo... as vezes acho tudo uma grande bosta... mas, que eu vou terminar e publicar, vou sim... :-) 



Por Fabrício Viana - autor do livro WWW.OARMARIO.COM às 02h48




Devaneios na forma da escrita...


 

Lendo por cima alguns livros de ficção noto muitas diferenças entre como eu estou escrevendo e como geralmente os autores escrevem. E isso me preocupa muito. Parece que as conversas entre os personagens nos outros livros são mais simples. Sem muito texto. Ao mesmo tempo, por causa disso, me dão a impressão de serem mais vazios. Claro que, pela quantidade, eles também são fortes em emoções. Mas tem muita diferença de como eu escrevo e de como eles escrevem. Principalmente pela minha total inexperiência em escrever ficção.

 

Por outro lado, pensando muito nisso e em como esta ficando tudo, noto um padrão singular meu. Uma característica minha. É como se o texto, mesmo denso, com diálogos longos e muitas informações, fosse algo que vem de mim, vem do tal Fabrício Viana. E isso faz o livro ficar diferente. Ser narrado de forma diferente. A história ser contada de forma diferente. Do meu jeito. Nada padronizado e talvez por isso, não muito vendedor. Ou sim. Essa diferença pode, ou não, ajudar no sucesso, ou não também, da história em si. A forma como se conta tudo. Confuso não?

 

Estes dias mesmo, pensando e se preocupando com tudo isso, lembrei de um autor que eu li quando estava na faculdade. Ele era psiquiatra e tinha teorias libertárias do corpo e mente. Muito bom. Gostava tanto do cara que não pensei duas vezes em ler um de seus livros de ficção. E, confesso, achei o livro super chato, início confuso e história sem pé nem cabeça, porém, até hoje, me recordo de alguns trechos que me marcaram profundamente. Sabe algumas verdades, pequenas, do dia-dia, das pessoas, da humanidade que você nunca parou para pensar e, dentro da ficção, aconteceu e você se ligou naquilo? É como se o cara, por mais ruim que fosse na escrita de ficção me passasse algo de algum jeito.

 

As vezes, nessa insegurança que tenho na confecção do Prometheus (e acho bacana poder dividir isso com vocês), tomo este autor e este livro que li como exemplo para dizer algo importante: autores não devem, mesmo, ser comparados uns com os outros. Assim como livros e histórias. Você pode gostar de uns e não gostar de outros. Pode aprender com uns e nada com outros. Esta e a singularidade. E, novamente, meu receio. Pois, no fundo, o livro precisa agradar pelo menos mais da metade das pessoas que terão acesso a ele. Concordam? Ai mora minha insegurança. Principalmente por ser o primeiro de ficção. 



Por Fabrício Viana - autor do livro WWW.OARMARIO.COM às 08h48




Uma hétero leu quase tudo o que escrevi...


Promethi que ninguém mais leria nada do Prometheus, porém, uma amiga hétero (nova amizade) veio em casa, comentamos do livro e como tinha uma parte impressa ela acabou levando par ler. Mais tarde, ao telefone, nós:

- E ai, gostou?
- Sim, o começo achei um pouco confuso.
- Eu também achei mas é igual início de novela ou filme, você ainda está se acostumando e conhecendo a história e os personagens. Demora um pouco pra embalar no ritmo. E como começa na atualidade e ele, do nada, se recorda da infância, é assim mesmo.
- Isso é verdade. Mas dá pra entender sim.
- E o que mais?
- Não gostei do pastor evangélico. Achei muito forte!!! (detalhe, ela é evangélica)
- Que bom... foi de propósito!!! Mesmo porque estas coisas também acontecem!!! (acho que o trabalho do escritor é despertar emoções)
- Só isso?
- O Junior e o Marcos, tem algo não? Eu senti algo entre os dois...
- Não sei. Ele é hetero e esta para se arrumar com a Michelly.
- E o sexo, achou que tem muita pornografia? (estou realmente preocupado com esta parte)
- Não, não achei não. Mas, se ele recordando o passado acontece tudo aquilo, espero que no presente aconteça muito mais!!!
- Ual, não sei não, porque apesar de ter muitas cenas de sexo, o foco é outro.
- Quero ler o resto!!!!
- Agora só quando terminar. Neste momento, o Junior, tadinho, foi parar em Belo Horizonte (mudei a cidade), e está tendo dinâmicas bíblicas de como abandonar o pecado do homossexualismo. Tá show de bola!!!! Mas o restante você vai ler só quando terminar. Muitas coisas para acontecer. (relacionamentos, sexo a três, doenças, dúvidas, angústias, amores, aff.. quantas páginas vai dar isso? Pensei)(risos).

Depois disso contei umas coisas que me recuso a contar aqui e em qualquer lugar (risos). Ela, empolgada, adorou. Começou, inclusive, a ajudar. Deu idéias sobre os pais, o que poderia acontecer e ainda sugeriu colocar um casal com seu nome e do marido dela (racha perturbada!).

O mais bacana foi sentir sua empolgação na fala. Por mais que o livro saia ruim (e algumas pessoas com certeza irão achar isso, afinal, a gente não consegue agradar a todos), ele despertará várias emoções. :-)

Por Fabrício Viana - autor do livro WWW.OARMARIO.COM às 03h43




Novidades!! Viciado em Twitter - :-)


Porque viciado? Porque eu posto do meu ceular (em qualquer lugar que eu esteja) e, quando sobra uns 10 minutinhos, lá estou enviando SMS direto pro Twitter. Quando chego em casa, visito minha página onde mostra todos aqueles que eu estou seguindo (tudo o que eles também postaram).

Algumas pessoas postam coisas chatas, outras, interessantes, outras, engraçadíssimas. To amando. Pena que nem todo mundo tem um Twitter.

O meu é http://twitter.com/fabricioviana

Para informações sobre como cadastrar, participar, enviar torpedos SMS, etc, a comunidade que fiz:
http://www.orkut.com.br/Main#Community.aspx?cmm=73943149

Sim, sinto mesmo muita falta de mais gente conhecida participando do Twitter. Ele é muito melhor que Orkut, Fotolog, Blog... pela simples facilidade de você publicar algo em qualquer lugar pelo celular... eu mesmo to registrando quase todo o meu dia-dia... E, claro, para quem não percebeu, os ultimos 10 posts do Twitter agora entram automático ai no menu direito... show de bola... :-)

Por Fabrício Viana - autor do livro WWW.OARMARIO.COM às 01h39




4 capítulos em 3 dias??


 

Se eu continuar neste ritmo está ótimo!!!! Tudo bem que eu passo quase 8 horas por dia escrevendo, lendo, relendo trocentas mil vezes a mesma parte, mas, o negócio tá saindo. E tá ficando razoavelmente bom... No último post eu estava finalizando o capítulo 2 (alias, se eu não tivesse que refazer tudo, eu estaria no 10º ou 12º). Agora eu já estou iniciando o 6º. Sim, ainda tem chão, mas em 1 ou 2 meses eu termino tudo. É só botar no papel o que já esta na minha cabeça. E trabalhando 8 horas por dia, só nisso, acho que consigo sim... :-)

 

Para quem tiver curiosidade no subtítulo dos capítulos escritos até agora, aqui esta (claro que tudo pode ser mudado, mas por enquanto, são estes):

 

CAPÍTULO 1 - A GOTA QUE FALTAVA
CAPÍTULO 2 - A RECORDAÇÃO
CAPÍTULO 3 - O PUTEIRO E RONALDO
CAPÍTULO 4 - O DIA SEGUINTE
CAPÍTULO 5 - O PERDÃO DE DEUS
CAPÍTULO 6 - A CURA DIVINA

 

E se você não passa todo dia aqui mas quer ser avisado quando o livro estiver pronto, entre aqui e coloque seu email:
http://www.oarmario.com/pedidos/cadastro.php

:-)



Por Fabrício Viana - autor do livro WWW.OARMARIO.COM às 22h10




Agora é pra valer!!!!


 

Dia 15/10 fui demitido (finalmente, nem estou acreditando!!!)(risos). Agora não tenho desculpa para não terminar o Prometheus!!! Minha mente, de hoje em diante, estará 100% concentrada nele!!! Ou melhor dizendo: no término dele!!! :-)

 

Serão poucos meses de muito trabalho, suor, sufoco e, sei lá o que. Agora o bicho pega. Ou vai, ou vai. Não tem meio termo. Torçam por mim... :-)



Por Fabrício Viana - autor do livro WWW.OARMARIO.COM às 23h59




Como é escrever um livro?


 

Digamos que é como escrever uma monografia. Você não tem nada, precisa organizar idéias, pesquisar, escrever, apagar, dividir tudo, escrever tudo novamente, enfim... é algo meio psicótico, esquizofrênico...  e no final, por mais que você ache que ficou uma grande bosta (em nossa mente ele sempre é perfeito), as pessoas acabam curtindo muito... pois elas, até então, não tiveram contato com o material... e nem com sua loucura... ;-)



Por Fabrício Viana - autor do livro WWW.OARMARIO.COM às 08h03




Olha O ARMÁRIO, quem vai querer... quem vai comprar?


Livro sobre a Homossexualidade - Coming Out 

 

Pois é, além de escrever ainda tenho que me preocupar com as vendas, marketing, publicidade... foda... como diz uma amiga, seria bom se a gente se preocupasse somente em escrever... mas depois do livro pronto vem a questão: o que fazer com tantos exemplares? Vender!!! Mas, como?? Como??? Como??? kkkkkkkkkkkkk

 

Doidera... mas, doideira mesmo é da onde eu vou tirar os 5 ou 6 mil reais para mandar imprimir a primeira edição do Prometheus. Para quem não sabe, a primeira edição do O Armário só foi possível porque parte da grana foi "financiada" por um super amigo... e mais, todos os exemplares chegaram em casa 3 dias antes do lançamento e todos ERRADOS (COMPLETAMENTE)... de tanto brigar (afinal o pagamento é total e a vista), disseram que iriam refazer tudo e me entregar no dia do lançamento... ninguém percebeu, mas na noite de autógrafos, 10 minutos depois de começar a chegar meus convidados, o caminhão com os exemplares parou na esquina da livraria da Augusta e dá-lhe caixas entrando.... por isso ele ainda foi vendido com uma errata, não deu tempo nem de ver como ficou...

 

É galera, tem mais histórias obscuras... mas vamos deixar de lado... O que importa é que Prometheus tá ficando bacana... não será um super livro, mas será um livro... uma história, várias verdades, vários conceitos... to bem ansioso para que tudo (tudo mesmo) termine rápido... boa semana a todos!!!

 

Ops, a propósito, você já comprou seu exemplar do O ARMÁRIO? kkkkkkk... fala sério, sou péssimo nisso...



Por Fabrício Viana - autor do livro WWW.OARMARIO.COM às 02h54




Sumida? Eu? Impressão sua!! ;-)


Faz um tempinho que não posto aqui e nem dou as caras. Vou ser direto: não tenho muitas novidades do Prometheus. O problema é que, há uns 20 dias, peguei um projeto para revisar (um livro) e mandei bala nele. Sim, acreditem ou não, neste meio tempo terminei um "pequeno livro" de poucas páginas falando de um tema que só os amigos mais próximos sabem. Na verdade ele tem a ver com o "negócio" que eu e o Alex estamos montando e que, daqui 2 ou 3 anos, irá nos ajudar muito neste "novo mercado".

 

Mas este livro já esta terminado, registrado na Biblioteca Nacional (com pseudônimo) e disponível para donwload gratuito (o "ganha pão" dele vem de outra forma) no Link XXXXXX (risos). Ok, contei pela metade mas procurem não tentar descobrir, não vai ser fácil mesmo. Ou vai. Sei lá. O que sei é que estou feliz por ter terminado este projeto e agora o lance é retomar o Prometheus o mais breve possível. Só quem escreve, e muito, sabe o quanto difícil é escrever (e, ultimamente, também "escutar" frases do tipo "E ai, já esta pronto?", "Falta muito?", etc).

 

Claro que eu gosto. Tem que gostar não?



Por Fabrício Viana - autor do livro WWW.OARMARIO.COM às 01h58




BEM BOLADO... ;-)


 

Do nada tive uma idéia bacana, como a amiga e escritora Marli Porto também esta escrevendo seu segundo livro pro público GLS (Clarice), pensei em fazer um bem bolado. Tipo, meu personagem (do Prometheus) vai ler e recomendar o primeiro livro dela (Uma Luz para Davi) e o personagem dela (Clarisse), vai ler e recomendar meu primeiro livro (O Armário). Bacana não? Ela adorou. Agora só falta terminar de escrever. E, nós dois, sofremos muito para parir o "segundo filho". Será que conseguiremos Marli? Segundo nossos amados leitores, sim!!! Pelo menos todos estão torcendo por nós. Como diz um leitor do meu blog la no Mix (Filipe Carvalho), menino fofo, "Força na Peruca!!"

 

Agora, a expectativa mesmo é, ao terminar, ver quantos leitores irão gostar, amar ou odiar o que produzimos. Essa parte me dá muito medo. Mas enfim... vamos que vamos!



Por Fabrício Viana - autor do livro WWW.OARMARIO.COM às 19h26




Amigo inteligente...


 

Putz, vou precisar criar um amigo inteligente/culto para o Junior. É que algumas coisas, mesmo sendo narrador e formado em psicologia, fica chato eu "palpitar" toda hora. Sem falar que eu não posso interagir com ele (sendo narrador). Então, esse amigo seria meu "eu intelecualizado", uma forma de eu interagir com ele, recomendar livros ou falar o que sei sobre militância, mas sem ser chato ou cair no clichê. Por isso esse amigo não pode ser "perfeito". Ele terá que ter vários problemas também... só preciso de um nome... alguma sugestão?

 

Outro amigo que eu sabia que precisava criar, e que já criei, é um amigo "puta". Aquele que transa com qualquer um, que conhece todos os lugares de ferveção, pegação e adora sacanagens. Claro, mais uma parte minha. Na verdade, todos os personagens tem coisas que são minhas e coisas que não são minhas. Estranho isso! Posso ser todos, posso ser apenas um ou posso não ser nenhum... e ainda posso misturar todos eles...  o amigo inteligente ter partes da puta, a puta ter partes do amigo inteligente, Junior ter partes do Marcos, Marcos ter partes da Michelly, Ronaldo ter partes do Carlos... enfim... to amando! :-)



Por Fabrício Viana - autor do livro WWW.OARMARIO.COM às 22h17




Quebrando conceitos...


No fundo acho que o Prometheus cumprirá uma boa funçao... a idéia é quebrar conceitos... será que conseguirei? Mesmo que indiretamente? Olha as primeiras palavras do livro como ficou (apenas ignore erros de português, caso tenha):

 

"    Talvez o caminho para a grande evolução da consciência esteja na capacidade individual de quebrar alguns conceitos aprendidos desde a infância. E ele estava aos poucos aprendendo isso com a vida.

    Eram quase 4 horas da manhã quando Junior, um pouco tonto por causa da bebida que tomou na boate, esperava sozinho seu ônibus próximo a Praça da República. Embora tivesse receios de encontrar algum desconhecido, trombadinha ou até mesmo um dos garotos de programa que no passado tenha lhe prometido uma surra, seu principal problema naquele momento era em não saber lidar com o vazio existencial que sentia no estômago. É verdade. Este era mais um conceito que precisava ser quebrado. Por mais que usem o coração para representar o amor entre as pessoas sabe-se que na prática é o estômago - e não o coração - que mais sofre com estes assuntos. E o Junior por ter sido enganado e traído há poucas horas atrás sabia muito bem disso.

    Tudo começou naquela noite de quinta-feira, fazia muito frio e a... " 

 

Curiosos para lerem o restante? Estou louco para mostrar o restante... Mas calma, tudo no seu devido tempo... :-)



Por Fabrício Viana - autor do livro WWW.OARMARIO.COM às 01h06




Vislumbrando...


 

Enquanto escrevo, mexo, remexo, jogo tudo fora e começo de novo, várias vezes, fico vislumbrando detalhes que precisarei cuidar quando o livro estiver pronto. Alguns deles: website específico, lista de convidados para o lançamento (e o local que será o evento), formas de pagamento, mailing que será enviada por correio (e e-mail), cortesias que serão dadas a imprensa e a amigos muito próximos que participaram da produção e coisas do tipo. É realmente um trabalhão. Até pedi no meu serviço para me desligarem. Preciso ficar uns 3 meses em casa malhando na produção. Depois eu arrumo outro trabalho. O que sei é que, embora não esteja postando no blog tanto como eu gostaria, estou trabalhando muito e correndo contra o tempo para realmente lançar no final do ano (acho que vou atrasar 2 meses e lançar em janeiro ou fevereiro). Mas vamos que vamos. Ta ficando muito lindo e ter mudado para a terceira pessoa (embora eu tenha mais dificuldade) só enrriqueceu os detalhes de toda a trama.

 

Ops, hoje decidi o final do livro. Tinha decidido uma coisa, um pouco diferente, que chocaria algumas pessoas mais conservadoras mas, embora ela continue a vingar, não será o final do livro. Decidi que vai acontecer algo e mudar tudo. Caralho, como eu gostaria de contar detalhes pra vocês, mas se eu contar, perde a supresa (ou as surpresas). Alias, quando eu fizer um resumo do livro, tenho que cuidar pra não contar tudo nele. A primeira coisa que quero fazer, de tudo, é imprimir o livro inteiro para alguns amigos, colocar os primeiros capítulos para download na Internet e malhar na divulgação dele.

 

Bom, nos vemos em breve. Obrigado por passarem por aqui. Mesmo que de vez em quando... ;-)



Por Fabrício Viana - autor do livro WWW.OARMARIO.COM às 02h05




Onde eu mais escrevo?


 

Para quem tem curiosidade comprei há dois anos o brinquedinho acima. O teclado é dobrável e por isso, posso levar para qualquer lugar (diferente de um laptop). Nele tenho editores de texto instalados e alguns aplicativos específicos como dicionários, tradutores, enciclopédias para pesquisa, etc.

 

Por isso, os "lugares" que eu mais tenho inspiração para escrever é FORA DE CASA. Acreditem!!! Eu costumo escrever muito indo e voltando do trabalho (dentro do ônibus, metrô, trem, carro, ou seja lá o que for)(risos), na ida e volta para a academia (metrô), quando chego cedo na empresa (antes de dar meu horário de entrar) e também no intervalo que tenho livre, na biblioteca do Centro Cultural Vergueiro (amo aquele lugar, vou la várias vezes por semana em diversos horários) e em tudo quanto é lugar que eu tenha mais de 20 minutos "livre"... em casa, escrevo muito pouco (comparando com o restante).

 

Em outras palavras, se me verem por ai em pé ou sentado com um palm não mão e clicando várias vezes nele, podem acreditar que sou eu mesmo!!! Claro que se tivesse papel eu estaria rabiscando mas já que a tecnologia permite algo mais digital, porque não? Pelo menos em casa eu só faço o sincronismo ou apenas transfiro o arquivo novo pro PC... alias, todo dia eu faço backup de tudo... meu medo em ser assaltado é mais pelo livro do que pelo aparelho em si... imagine "Olha, leva tudo, mas me deixa o chip de memória, pelo amor do amor!!" (risos) :-)  



Por Fabrício Viana - autor do livro WWW.OARMARIO.COM às 11h49




Editor bom para escrever...


 

Que word que nada... entre alguns que testei, gostei deste ai... free, leve, simples, compacto e muito funcional... além de ser agradável aos olhos... claro, a imagem ao lado ajuda... alias, adoro meu desktop... imagino quantos caras que não são assumidos adorariam ter um papel de parede destes.... kkkkkkk



Por Fabrício Viana - autor do livro WWW.OARMARIO.COM às 01h49




Distante mas concentrado...


Desculpem não postar nada nestes ultimos dias mas a mudança da primeira pessoa para a terceira me fez re-escrever tudo e não está sendo nada fácil. O problema, além da falta de tempo, é que a essência da trama é a mesma mas a descrição muda totalmente.

 

Parte ruim: é mais difícil escolher de qual ângulo aquele fato será narrado, antes, era a visão do personagem sobre o mundo, agora é a do narrador (com sua visão) sobre o persoangem (respeitando sua visão de mundo). Não que seja horrível desta forma mas é bem diferente, mais rico em detalhes e, consequentemente, mais texto na descrição do mesmo fato.

 

Parte boa: várias! Uma delas por exemplo é a do Junior, protagonista e que escrevia o livro na primeira pessoa (eu fiz isso, fiquei chateado, etc), não ser formado em psicologia (e sim o autor)(rs), então, ele narrando a situação não poderia ser muito intelectualizado e nem analisar seu próprio comportamento, pois ele NÃO É FORMADO EM PSICOLOGIA. Agora, na terceira pessoa, isto é, eu SENDO O NARRADOR, posso colocar meus palpites e deduções (Junior ficou depressivo por causa disso ou daquilo). Ou, em outras palavras, os leitores ganharão uma analise bem crítica (vindos da psicologia) sobre várias coisas. Justamente o que aconteceu, indiretamente, no livro O ARMÁRIO. E isso conta muito. Pois não é apenas uma história qualquer, é uma história embasada e que você acaba aprendendo um pouco de psicologia e comportamento junto, deixando-o super interessante.

 

Então, por isso, postarei com menos frequência, mas postarei para dizer como anda meu trabalho.



Por Fabrício Viana - autor do livro WWW.OARMARIO.COM às 09h22




Sumidinha...


Ficarei alguns dias longe da Internet, Blog, Orkut, E-mails, etc... mas serão apenas alguns dias... preciso dar um gás no Prometheus... ;-)

Por Fabrício Viana - autor do livro WWW.OARMARIO.COM às 04h14






BRASIL , Sudeste , SAO PAULO , BELA VISTA , Gay , de 26 a 35 anos , Arte e cultura , Sexo , Treinar/Malhar

_______________________



 

 

Humor



Histórico

01/07/2009 a 31/07/2009
01/06/2009 a 30/06/2009
01/03/2009 a 31/03/2009
01/02/2009 a 28/02/2009
01/01/2009 a 31/01/2009
01/12/2008 a 31/12/2008
01/11/2008 a 30/11/2008
01/10/2008 a 31/10/2008
01/09/2008 a 30/09/2008
01/08/2008 a 31/08/2008
01/07/2008 a 31/07/2008
01/06/2008 a 30/06/2008

Links

fabricioviana.com
Meu livro O ARMÁRIO
Meu Blog no Mix Brasil
Homossexualismo.net
Portal Armário X
Homossexualidade.net

Votação

Dê uma nota para meu blog



Contador


XML/RSS Feed
Sistema RSS - Use!